GARANTIMOS MAIS QUE LOGÍSTICA

Head Office +55 11 5908 4050

Blog MAC Logistic

Obra de dragagem do Porto de Rio Grande avança e chega 65% de conclusão

29-04-2019

A dragagem de manutenção do canal de acesso ao Porto de Rio Grande, no sul do Estado, está 65% concluída e deve ser encerrada em dois meses. Até o momento foram dragados 9,5 milhões de metros cúbicos de sedimentos, restando 6,5 milhões a serem retirados.  

O período de um mês em que ficou suspensa pela justiça gerou aumento no custo da obra. A informação foi dada pelo superintendente dos Portos do Rio Grande do Sul, Fernando Estima, durante o evento "Tá em Pauta", que acontece mensalmente na Câmara do Comércio de Rio Grande. 

— Após a finalização da obra precisamos homologar o novo calado do Porto e dar segurança aos armadores (empresas que utilizam navios comerciais) de que teremos condições de atendê-los — projetou Estima.  

O superintendente afirmou que todos os questionamentos feitos pela Justiça comprovaram que a execução da obra está dentro do que foi acordado. 

— A judicialização do processo fez com que todos revisassem os procedimentos e se certificassem de que estamos realizando a obra dentro de tudo aquilo que foi acertado entre todos os envolvidos — disse.   

Suspensão por um mês

A obra de dragagem no porto do Rio Grande iniciou no dia 29 de outubro de 2018 com a expectativa de retirar 16 milhões de metros cúbicos de sedimentos depositados ao longo dos 30 quilômetros do canal de acesso ao porto.   

No fim de semana dos dias 9 e 10 de dezembro, uma grande quantidade de lama apareceu novamente na beira da praia do Cassino – o que já havia acontecido durante a última dragagem, em 2014. No dia 13 de dezembro, a Superintendência do Porto acatou a recomendação do Ministério Público Federal (MPF) e suspendeu as atividades até que fosse esclarecida a origem da lama que apareceu na beira da praia.   

Por volta das 21h do mesmo dia, a Secretaria Nacional de Portos, contratante da obra, contrariou a recomendação do MPF e decidiu pela continuação da dragagem em Rio Grande. A decisão foi sustentada com a ideia de que não existem argumentos suficientes sobre a relação da dragagem com o aparecimento da lama da beira da praia até aquele momento, além do prejuízo financeiro sem ganho operacional do Porto.   

No dia 19 de dezembro, a Justiça Federal no Rio Grande do Sul determinou, por meio de liminar (provisória) a suspensão da dragagem. A operação foi retomada no dia 23 de janeiro conforme determinação do juiz Adérito Martins Nogueira Júnior, da 1ª Vara Federal de Rio Grande, após receber garantias de monitoramento e de análises regulares do material dragado. Fonte: Zero Hora via Portos e Navios

Fonte: Zero Hora via Portos e Navios
Foto: GugaVW

Artigos Relacionados: Acordo com União Europeia vai impulsionar cabotagem no Porto de Santos Porto de Santos crescerá 110% até 2060, diz estudo Dólar avança e fecha a R$ 3,93 Tempo de espera dos navios nos Portos do Paraná diminui 46% Dragagem do canal de navegação do Porto de Santos corre risco de paralisação Movimentação no Porto cresce 3,7% em fevereiro Portos de Itajaí e Navegantes movimentam US$ 2,4 bilhões no primeiro bimestre de 2019 Portos brasileiros vão crescer 3,5% em 2019 Porto de Suape ainda mais competitivo Mulheres ocupam cargos de liderança no Porto de Santos
portos dragagem navegação BlogdaMac MacLogistic RioGrandedoSul PortodeRioGrande

mac-logo-pos

   

       

Conheça o grupo MAC Logistic! Ficaremos honrados em atendê-los e principalmente, apoiar o desenvolvimento dos seus negócios, através de projetos logísticos customizados.

   

OFFICES

    Brazil - Head Office (55 11) 5908-4050

    Florida Office +1 305 436-5141

    Vitória Office (55 27) 2122-1777

   maclogistic@maclogistic.com

CÂMBIO

       

As operações da Mac Logistic são regidas pelas Condições Gerais de Negócios registradas no 8º Cartório Oficial de Registro de Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica da Comarca de São Paulo sob o número 1483284.