Head Office +55 11 5908 4050

ÁREA RESTRITA | CANAL DE DENÚNCIAS
Head Office +55 11 5908 4050 | ÁREA RESTRITA | CANAL DE DENÚNCIAS

No embarque de perecíveis, modal aéreo já está consolidado

No embarque de perecíveis, modal aéreo já está consolidado
12/08/2016

“O embarque de produtos perecíveis pelo modal aéreo já está consolidado como a melhor forma para que o produto chegue ao destino com as mesmas características com que sai do produtor”. A afirmação é do diretor do Produto Aéreo da DHL Global Forwarding, Maurício Coelho.

O executivo explica que atualmente, os produtos com maior demanda e potencial são os ovos férteis, cuja movimentação de carga na DHL vem crescendo uma média de 5% ao ano, as frutas também têm papel importante, ele salienta que os produtores brasileiros vêm acionando o modal aéreo para atingir novos mercados.

“Os produtores brasileiros de perecíveis têm competitividade no mercado internacional, ainda mais agora com a cotação do real em relação ao dólar na casa dos R$ 3. As frutas com maior destaque nas exportações realizadas pela DHL são o mamão papaia (oriundo do Espírito Santo e do Nordeste), a manga (Nordeste) e o figo (Sudeste)”, apontando como principais mercados alvo para as frutas os Estados Unidos e a Europa, assim como o Oriente Médio e a América Latina, no caso dos ovos férteis.

De acordo com a companhia – que opera rotas e hubs abrangendo mais de 220 países em todo o mundo – devido a sua delicadeza, as frutas e os produtos perecíveis são transportados em pallets aéreos e mantidos sob temperatura controlada, em torno de 10°C. “Se o cliente desejar um pacote mais completo, nós possuimos operadores próprios nos principais aeroportos do mundo e equipe dedicada à área de perecíveis com operação end to end”, explica.

Segundo Coelho, mesmo com o câmbio favorável, consolidar uma operação de exportação é um desafio. “Com a DHL, o cliente mantém também a visibilidade do status da carga, o que confere mais consistência à operação”, completa. E destaca que para produtos perecíveis de maior valor, a empresa oferece uma solução exclusiva de monitoramento online de carga: o DHL Thermonet, um sistema voltado ao transporte aéreo que permite monitorar a temperatura e rastrear a carga 24/7, garantindo que a cadeia logística atenda os princípios de boas práticas de distribuição (Good Distribution Practices). “Além disso, o sistema mantém registrada toda a trilha de documentação (SOP) e trajetória das mercadorias, cujos dados ficam armazenados na nuvem por sete anos e podem ser acessados, com segurança, via internet”, finaliza o executivo.

Fonte: Guia Marítimo