Head Office +55 11 5908 4050
Head Office +55 11 5908 4050 | ÁREA RESTRITA

​Petrobras reduz preço da gasolina nas refinarias em 3,2%

​Petrobras reduz preço da gasolina nas refinarias em 3,2%
17/10/2016

A Petrobras anunciou nova política de preços de combustíveis, tendo entre as premissas a paridade internacional, e também uma redução nos valores nas refinarias já a partir da zero hora deste sábado, 15 de outubro. A redução média no preço do diesel será de 2,7% e da gasolina em 3,2%.

Conforme comunicado ao mercado, a implantação da nova política tem como princípio preços nunca abaixo da paridade internacional. Além da premissa de paridade internacional (que já inclui custos como frete de navios, custos internos de transporte e taxas portuárias), outros princípios são uma margem para remuneração dos riscos inerentes à operação (volatilidade da taxa de câmbio e dos preços, sobreestadias em portos e lucro, além de tributos); e nível de participação no mercado.

A Petrobras prevê avaliações para revisão de preços pelo menos uma vez por mês. “É importante ressaltar que, como o valor desses combustíveis acompanhará a tendência do mercado internacional, poderá haver manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias”, diz a nota ao mercado, para depois apresentar os valores da redução a partir de sábado.

Estimativa

A Petrobras estima que, se a queda de preços concedida nas refinarias for integralmente repassada para o consumidor, a gasolina poderá ficar 1,4% mais barata para o consumidor final, nos postos de revenda. Isso significaria uma retração de R$ 0,05 por litro. A queda projetada para o óleo diesel é de 1,8%, ou R$ 0,05 por litro.

O presidente da empresa, Pedro Parente, participa de coletiva de imprensa para detalhar a nova política de preços anunciada nesta sexta. Ao seu lado estão o diretor Financeiro, Ivan Monteiro, e de Refino e Gás Natural, Jorge Celestino. Eles fazem parte do comitê denominado Grupo Executivo de Mercado e Preços, que tomará decisão sobre a necessidade de ajustes nos valores dos combustíveis nas refinarias, conforme a nova política de preços da estatal.

“Para permitir maior flexibilidade na gestão comercial de derivados e estimular o aumento de vendas, a Petrobras também avaliará conceder descontos pontuais para o diesel e a gasolina em mercados específicos. Em hipótese alguma, esses descontos implicarão em preços abaixo dos custos da empresa”, diz, em comunicado.

Fonte: A Tribuna