GARANTIMOS MAIS QUE LOGÍSTICA

Head Office +55 11 5908 4050

Blog MAC Logistic

Laboratório de Competitividade vai apontar caminhos para o desenvolvimento da economia nacional

10-11-2017

O Ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, participou, nesta quarta-feira pela manhã, no MDIC, da primeira reunião do Conselho Editorial do Laboratório de Competitividade, que o Fórum Econômico Mundial está instalando no Brasil. A proposta é identificar os principais gargalos que prejudicam a competitividade da economia brasileira e apresentar soluções factíveis para o desenvolvimento desta competência. A reunião contou com a participação da diretora do Fórum para a América Latina, Marisol Argueta de Barillas, e de representantes do setor privado.

Os trabalhos serão desempenhados no final deste ano e início do próximo, quando será produzido um relatório com proposições para o desenvolvimento da competitividade brasileira, a ser lançado em março de 2018, durante a realização do Fórum Econômico Mundial para a América Latina, entre os dias 13 e 15 de março, em São Paulo.

O ministro Marcos Pereira ressaltou que um dos desafios dele à frente do MDIC “é incrementar o ambiente de negócios do Brasil, com foco no aumento da competitividade”. O ministro destacou também que tem mantido “constante diálogo com representantes do empresariado brasileiro, avançando em iniciativas de dinamização das estruturas brasileiras, trabalhando desde a redução da burocracia, até o desenvolvimento de programas de incentivo à competitividade das empresas”. E citou ainda as iniciativas de facilitação de comércio e fomento à inovação.

O Conselho Editorial do Laboratório de Competitividade é formado pelos ministros Marcos Pereira, Henrique Meirelles (Fazenda) e Dyogo Oliveira (Planejamento). Também integram o grupo de notáveis Pedro Wongtschowski (Mobilização Empresarial pela Inovação – MEI), Flavio Rocha (Grupo Riachuelo), Robson Andrade (CNI), Paulo Skaf (Fiesp), José Antonio Toledo Vieira (Novartis) e a professora Lourdes Casanova (Cornell University - EUA). A função deste grupo é aprovar em linhas gerais o documento que será lançado durante a realização da versão latino-americana do fórum em março, em São Paulo.

A elaboração do documento será feita pelo Grupo de Trabalho formado por representantes do governo, do setor privado e da academia, que ficará responsável por aprofundar as discussões, coletar insumos e formatar o documento final. Além de outros temas, houve a concordância da necessidade de se avançar com a agenda de desburocratização, a melhoria do ambiente de negócios e do desenvolvimento do ecossistema brasileiro de inovação, além de uma percepção geral da necessidade urgente de se avançar na efetivação das reformas estruturantes, principalmente a da previdência e a fiscal. Temas como o desempenho do setor público, no que se refere à regulamentação governamental; dificuldades na abertura de negócios e barreiras de comércio também foram abordados durante a reunião.

Laboratório de competitividade

O laboratório de competitividade é uma iniciativa do Fórum Econômico Mundial para países latino-americanos. De acordo com a entidade, a competitividade é amplamente aceita como uma dos fundamentos responsáveis pela prosperidade de países e bem estar dos cidadãos.  “Uma oportunidade e um momento único para avançar na agenda da produtividade, com recomendações concretas e implementáveis e, assim, contribuir na melhora contínua do ambiente de negócios do Brasil”, disse Marisol Argueta de Barillas.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do MDIC 

Artigos Relacionados: Paraná amplia em 21% o uso de ferrovia na movimentação de cargas Porto de Santos amplia calado para 13,5 metros Porto se prepara para navios de 366 metros Rússia está entre os países que mais importam e exportam por Paranaguá Governo prepara mais um plano para tentar reduzir os gargalos da logística Seguro de transporte internacional precisa de incentivos para crescer Dólar dispara e impacta importações e exportações brasileiras Brasil precisa investir R$ 600 bi para não ficar refém do transporte rodoviário Porto de Santos deve levar 10 dias para voltar ao normal Analistas - Tributários paralisam atividades por mais duas semanas
Laboratório de Competitividade vai apontar caminhos para o desenvolvimento da economia nacional

mac-logo-pos

   

       

Conheça o grupo MAC Logistic! Ficaremos honrados em atendê-los e principalmente, apoiar o desenvolvimento dos seus negócios, através de projetos logísticos customizados.

   

OFFICES

    Brazil - Head Office (55 11) 5908-4050

    Florida Office +1 305 436-5141

    Vitória Office (55 27) 2122-1777

   maclogistic@maclogistic.com

CÂMBIO

       

As operações da Mac Logistic são regidas pelas Condições Gerais de Negócios registradas no 2º Cartório Oficial de Registro de Títulos e Documentos de São Paulo sob o número 3612634.