Head Office +55 11 5908 4050
Head Office +55 11 5908 4050 | ÁREA RESTRITA

O que é dropshipping?

O que é dropshipping?
30/05/2022 zweiarts

O termo dropshipping vem da palavra drop, que significa “largar” e shipping, que significa remessa. Esse modelo se refere a uma forma de vender online sem precisar de um estoque próprio. Isto é, o empreendedor utiliza o estoque de terceiros.
Nessa modalidade, o site é usado como vitrine online de produtos nacionais e internacionais. A logística e custos da entrega dos itens ficam a cargo do fornecedor.

Apesar da facilidade, o dropshipping apresenta algumas desvantagens, como a falta de controle e rastreamento com relação ao envio das mercadorias, baixa rentabilidade e grande concorrência no mesmo setor. Isso faz com que a margem de lucro seja pequena, já que é comum trabalhar com comissões sobre cada produto vendido neste modelo.
Além disso, é possível haver erros com relação às quantidades em estoque. É preciso estar atento para não manter produtos esgotados sendo divulgados.

Como funciona o Dropshipping?

No dropshipping, o cliente acessa o site de uma empresa, escolhe os produtos e realiza a compra por lá. Assim que o pagamento é confirmado, o pedido é transferido para um dos fornecedores parceiros que, no caso, tem em mãos o estoque dos produtos comprados por aquele cliente.

Dessa forma, o fornecedor parceiro faz a separação e embala os produtos que serão enviados por uma transportadora ou pelos Correios. Assim que o cliente receber seu pedido em mãos, pode avaliar a compra no site que teve contato.

Reprodução: SkyHub

Reprodução: SkyHub

 

Para os clientes, todo esse processo não é mostrado e, muitas vezes, ele nem tem contato com o fornecedor do produto.
Em outros exemplos, como os que citamos neste texto, é possível saber que o site em si faz a intermediação entre quem tem acesso ao produto e quem quer comprá-lo.
Essa política de transparência é fundamental para que o cliente sinta confiança no serviço. Além disso, é necessário construir uma boa reputação de marca para que os clientes vejam valor naquele site e que fornecedores se sintam seguros em vender por lá.
Agora que você já entendeu como funciona, em linhas gerais, o fluxo de dropshipping, vamos conhecer as maiores vantagens e desvantagens desta opção para o seu negócio?

Diferenças entre Dropshipping, Marketplace e E-commerce

Muitas pessoas confundem o dropshipping com outros modelos de negócios digitais.
O dropshipping nada mais é do que uma maneira de vender online sem se preocupar com estoque ou meios de pagamento. O fornecedor entrega os produtos direto para os clientes, e assim o(a) empreendedor(a) não precisa lidar com a logística. Nesse caso, é preciso ter um site ou loja virtual. Porém, o fornecedor não aparece para o cliente final no momento da compra.
Já o e-commerce ou loja virtual envolve a necessidade de um estoque próprio. É necessário desenvolver um site e cadastrar todos os seus produtos, além de precisar lidar com os processos da logística de entrega. A operação é bem parecida com uma loja física, porém no ambiente virtual.
Por fim, o marketplace é como um shopping virtual. Nele, são reunidos diversos fornecedores diferentes. Você, enquanto empreendedor, pode vender seus próprios produtos em marketplaces já existentes no mercado. Ou, pode criar o seu próprio marketplace, que é um negócio altamente escalável.
Ao criar um marketplace, você também não precisa lidar com estoque ou logística. Seu papel é apenas intermediar os negócios, e atrair clientes e fornecedores para a plataforma. Isso permite uma rentabilidade elevada no longo prazo e uma grande escalabilidade. Isso significa que não é necessário aumentar os custos do negócio para ampliar o número de clientes.
Resumindo, no dropshipping, toda a responsabilidade de entrega do produto, qualidade, etc. continua sendo do empreendedor. Já no marketplace, o administrador da plataforma é apenas um intermediador, sendo tais responsabilidades diretamente do vendedor/anunciante.

Como trabalhar com Dropshipping?

Se você achou que trabalhar com dropshipping pode ser interessante, você precisa se lembrar de algumas coisas quando começar.
Defina seu nicho de trabalho e escolha fornecedores de confiança. Isso pode evitar fraudes e pessoas que agem de má fé. Faça uma triagem cuidadosa, verifique a reputação daquela loja e tenha uma política clara em casos de quebra de confiança.
Crie um site! Se você tiver conhecimento em programação, pode desenvolver o próprio site. Ou pode contratar programadores para essa atividade.
Além disso, é importante oferecer aos clientes só o que pode ser entregue. Certifique-se que o estoque está sendo bem gerenciado, já que o que está aparecendo efetivamente, é a marca da sua empresa.
Sempre acompanhe a entrega, foque em comunicação e relacionamento e lembre-se que a devolução de mercadoria é uma possibilidade
O dropshipping é uma nova forma de fazer negócios online, que não exige grandes investimentos, nem estoque. Assim como qualquer modelo, ele apresenta vantagens e desvantagens. A modalidade de criar um marketplace, por exemplo, oferece mais rentabilidade e segurança para o empreendedor.