Head Office +55 11 5908 4050
Head Office +55 11 5908 4050 | ÁREA RESTRITA

A semana, por DatamarWeek

A semana, por DatamarWeek
25/05/2016

Balança Comercial

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 1,010 bilhão na terceira semana de maio, resultado de exportações no valor de US$ 3,627 bilhões e importações de US$ 2,617 bilhões. No acumulado do mês, as exportações somam US$ 11,976 bilhões e as importações, US$ 7,986 bilhões, com saldo positivo de US$ 3,990 bilhões. No ano, as vendas externas totalizam agora US$67,918 bilhões e as compras, US$50,684 bilhões, registrando saldo positivo de US$ 17,234 bilhões.

Navios, portos, terminais & infraestrutura relacionada

A segunda ponte de acesso da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) está prevista para ficar pronta em julho de 2017. A estrutura, que será fundamental para o escoamento das placas de aço produzidas pela empresa, suportará uma capacidade maior que a atual e terá 1.560 metros de extensão. O investimento faz parte da segunda etapa de ampliação do terminal portuário, que inclui também a pavimentação e ampliação do quebra-mar, a instalação de uma correia transportadora de minério de ferro e mais três berços de atracação. O investimento total é da ordem de RS$651 milhões.

O Tecon Salvador, terminal portuário de contêineres operado pela Wilson Sons, registrou aumento de 11% na movimentação de carga no primeiro quadrimestre deste ano em relação ao mesmo período de 2015. No total, foram movimentados 95.382 TEUs com 28% de crescimento nas exportações e 12% nas descargas. Nos embarques, os destaques ficaram por conta dos polímeros, com aumento de 305% de movimentação e os minérios com crescimento de 111%. Já nas importações, os fertilizantes e derivados aparecem alta de 106% e a borracha com 49%.

O leilão do Terminal de Passageiros do Recife será realizado no dia 31 de agosto na sede da ANTAQ, em Brasília. A área total do terminal é de 23.405 metros quadrados, dividida em área de circulação, área verdade, armazém 7 e armazém 8. O antigo Armazém 7 é o prédio de três pavimentos destinado às atividades de embarque e desembarque de passageiros, despacho e recebimento de bagagens, controle de migração e operações alfandegárias. O prazo de arrendamento será de 25 anos, prorrogável por igual período.

Uma portaria foi emitida pela Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP) na última sexta-feira (20/05), apontando a redução do calado máximo permitido para navios que realizem manobras na região da Alemoa. Antes da medida, era permitido que navios com até 13,2 metros de calado navegassem na área em maré baixa e com até 14,2 metros em maré alta. Agora, estão impedidos de navegar os navios cujo calado exceda 11,3 metros na maré baixa e 13,3 na maré alta. O único terminal afetado efetivamente pela portaria é o da operadora Brasil Terminal Portuário (BTP), que já se manifestou negativamente acerca da decisão.

Embarcadores e cargas

Em maio, até a segunda semana do mês, as exportações brasileiras de carne bovina somaram 45,90 mil toneladas com média diária de 4,60 mil toneladas. O volume diário embarcado representa aumento de 5,9% na comparação com o mês anterior e de 8,1% em relação ao mesmo período do último ano. O faturamento nas duas primeiras semanas de maio foi de US$176,40 mil, com média diária de US$17,60 mil. O valor é 3,9% superior ao registrado no mês anterior.

O Brasil embarcou 747,01 mil toneladas de açúcar até a segunda semana de maio com média diária de 66,56 mil toneladas no período. O volume representa alta de 21,2% frente ao mês anterior e aumento de 12,2% na comparação com maio de 2015. Se o país manter o ritmo, o volume exportado pode chegar a 1,64 milhão de toneladas.

As importações de trigo do Brasil em abril apresentaram crescimento de 12,2% em relação ao mesmo período de 2015, para 455,98 mil toneladas. No atual ano comercial, iniciado em agosto de 2015, as compras externas somam 3,99 milhões de toneladas, alta de 1,5% sobre o ciclo anterior. A Argentina aparece como principal fornecedor, respondendo por 61,7% do volume total, seguida pelo Paraguai com 19,9%, e Uruguai com 10,3%.

Pela primeira vez na sua história, a Argentina realizou importação de trigo. A empresa uruguaia Granosur confirmou o envio de 300 toneladas da commodity no último dia 19 (quinta-feira). O motivo seria a má qualidade apresentada pelo trigo colhido na última safra e já se cogita a possibilidade de importar uma maior quantidade do Golfo ou até mesmo do Paraguai, um dos principais fornecedores do Brasil.

O armador de containers Kawasaki Kisen Kaisha (K line) anunciou oficialmente no dia 4 deste mês que não oferecerá mais o serviço de transporte de cargas da Ásia para a costa leste da América do Sul e vice-versa, devido às condições atuais do mercado local. O último navio operado pela empresa, Valor, tem previsão de chegada em Santos, seu último destino, em 27 de junho.

Fonte: Guia Marítimo