Head Office +55 11 5908 4050
Head Office +55 11 5908 4050 | ÁREA RESTRITA

Porto de Santos – Obras, eficiência e segurança marcam desenvolvimento

Porto de Santos – Obras, eficiência e segurança marcam desenvolvimento
04/02/2019

Eficiência e segurança operacionais são as palavras chave que nortearão o desenvolvimento do Porto de Santos em 2019. Com investimento superior a R$ 187,4 milhões e alinhado a projetos de infraestrutura, o complexo santista completa 127 anos.

Neste ano, o Porto de Santos passará por obras e intervenções e a expectativa é que o movimento supere 136 milhões de toneladas de mercadorias, um crescimento superior a 2% do volume recorde registrado em 2018, quando já foi registrado movimento recorde de 133,1 milhões de toneladas.

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), Autoridade Portuária que administra o complexo, projeta um aumento de 4,1% nos embarques sobre o estimado para este ano, e as descargas 2,7%. Para o fluxo de embarcações, a Codesp projeta um total de 4,7 mil atracações e uma consignação média de 28.578 toneladas por navio, um crescimento de 2% sobre a de 2018.

“Será um ano especialmente favorável à movimentação de carga conteinerizada”, afirma o diretor de Relações com o Mercado e Comunidade da estatal, José Alfredo de Albuquerque e Silva. Ele estima para essa modalidade um crescimento de 4,9%, resultando na movimentação de 4,3 milhões TEU (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés).

“O ano de 2018 envolveu a superação de grandes desafios. Apesar do período marcado por dificuldades nos cenários macroeconômico e político, a movimentação de cargas cresceu e seguimos firmes no objetivo de nos manter como uma empresa eficiente no setor portuário e comprometida com o crescimento sustentável”, avalia o diretor.

Para isso, segundo Albuquerque e Silva, a área de Engenharia da Docas trabalhou no propósito de manter e ampliar a infraestrutura do Porto de Santos e a área de Operações Logísticas viabilizou realizações importantes, com destaque para a consolidação do Sistema Portolog, que assegurou, sem transtornos, o escoamento da safra 2017/2018, por meio do agendamento da chegada de caminhões ao Porto.

“Outro tema que avançamos envolve duas de nossas maiores prioridades: a sustentabilidade ambiental e a segurança das pessoas. Dedicamos também muita atenção à capacitação de nossos profissionais e ao desenvolvendo de novas lideranças, elementos-chave na construção da empresa que queremos, totalizando 33 mil horas de treinamentos”, contabiliza o executivo da Codesp, que possui hoje 1.349 pessoas em seu quadro de funcionários.

“Temos grandes desafios a enfrentar em 2019 e, para atingir nossos objetivos, vamos concentrar nossa atenção em iniciativas que aperfeiçoem, cada vez mais, nossos colaboradores e manter o foco nas estratégias de aprimoramento de nossos processos e em ganhos de eficiência, visando crescimento futuro e a consolidação de uma cultura de alto desempenho”, completa o diretor.

Fonte: Brazil Modal